Follow us on Twitter

New Age no dia 1 de novembro de 2017

Convite Coletiva 03.11

Faltam três dias para a realização dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) e a cidade de Lages já está preparada para a abertura oficial, que acontecerá em coletiva de imprensa no dia 3 de novembro, às 10h30min, na praça da Catedral. No local, o prefeito Antonio Ceron receberá do presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), Erivaldo Nunes, o Vadinho, o fogo simbólico da competição, que segue até o dia 11 de novembro. Para 2017, os Jasc têm uma novidade: o patrocínio das lojas Havan, com a doação de cinco mil bolas de futebol, vôlei e basquete para escolas de Lages e das cidades de: Anita Garibaldi, Bocaiúva do Sul, Campo Belo do Sul, Capão Alto, Cerro Negro, Campos Novos, Caçador, Curitibanos, São José do Cerrito, Palmeira, Ponte Alta, Painel e Otacílio Costa, que serão entregues oficialmente às autoridades no dia da abertura dos Jogos, às 16h, no CAIC Nossa Senhora dos Prazeres.

O prefeito de Lages, Antonio Ceron, disse que a cidade já assumiu essa responsabilidade de realizar uma grande edição e aposta no legado que os Jasc vão deixar para a população. “Uma competição como essa deixa aprendizado, reforça o valor do espírito de equipe, de amizade e, sobretudo, o exemplo da dedicação, do esforço e da superação, destacou.

O secretário de Esporte, Turismo e Cultura, Leonel Pavan, salientou que a edição desse ano tem a missão de ficar para a história como uma das maiores realizadas, já que no ano passado a competição foi suspensa devido a situações climáticas adversas no Estado. “Eu tenho certeza que, Lages será a retomada em grande estilo dessa competição tão importante para Santa Catarina”.

“O esporte tem a capacidade de unir as pessoas, de promover o convívio, o lazer e a confraternização entre os atletas e a comunidade. E a grandeza dos Jogos Abertos de Santa Catarina reforça essa tradição e a responsabilidade de resgatar toda a sua importância”, disse o governador Raimundo Colombo, que revelou já ter participado dos Jasc como goleiro de futsal.

A patrocinadora

A Havan completa 31 anos de fundação em 2017. A maior rede de lojas de departamentos do Brasil nasceu em Brusque, como uma pequena loja de tecidos de 45 metros quadrados, na Avenida Primeiro de Maio. Desde os primeiros anos adotou como ícones a fachada estilizada da Casa Branca e a Estátua da Liberdade. Inspirados no modelo americano, estes símbolos fortaleceram a marca da Havan, fazendo com que, em muitas regiões do Brasil, atualmente, estejam mais associados à empresa do que à sua verdadeira origem nos Estados Unidos. Com 103 megalojas em 15 estados brasileiros (SC, PR, SP, MT, MS, GO, RO, BA, PE, TO, MG, ES, RJ, PA e AC), a Havan emprega, atualmente, 12 mil colaboradores diretos e 60 mil indiretos.

Presente em Lages desde junho de 2008, a Havan (rede de lojas de departamentos mais completa do Brasil) resolveu apoiar os Jasc de 2017 para estabelecer uma relação ainda mais forte com a comunidade da região serrana. “A Havan investe em eventos esportivos e culturais, pois acredita que é por meio do esforço, da dedicação e da educação que se conquista o sucesso. O apoio também reforça o nosso desejo de, cada vez mais, estarmos próximos da comunidade, que, desde a nossa chegada, em 2008, nos recebeu de braços abertos e que nos prestigia dia a dia”, comenta o diretor-presidente da Havan, Luciano Hang.

Fogo simbólico x história

Em alusão ao fogo olímpico, referente às Olimpíadas de origem na Grécia, a cerimônia do acendimento do fogo acontece tradicionalmente em Brusque, o berço dos Jogos Abertos de Santa Catarina, e um dos momentos mais importantes da 57ª edição dos Jasc ocorreu na manhã da última quinta-feira (19).

Em 1960, o empresário Arthur Schlösser deu início à principal competição esportiva de Santa Catarina.  Recheado de simbolismos, como o recebimento da bandeira dos Jogos pelo município sede, a pira dos Jasc é acesa e, em seguida, o fogo é entregue à cidade-sede dos Jasc.

A premiação

O troféu da edição de 2017 mede 90 centímetros, pesa 22 quilos e foi todo confeccionado em aço de carbono com acabamento em dourado.

O presidente da Fesporte, Erivaldo Caetano Júnior, o Vadinho, ressaltou a representatividade do novo troféu. “Essa bela peça foi criada com o intuito de dar estímulo aos municípios participantes dos Jogos Abertos de Santa Catarina. Ela transmite a ideia da união do esporte e dos atletas por meio dessa conquista. Para a Fesporte o significado é grande. É um símbolo de recuperação dos Jogos Abertos”, finaliza Vadinho.

Categorias: Clientes, Havan

Deixe o seu Comentário